Achatamento De Vértebra: Tratamento

Corrigido por Thaís Cachuté Paradella. O achatamento de vértebra, também conhecido como compressão vertebral, é um tipo de patologia que acomete a coluna vertebral, atingindo diversos pacientes. Essa situação pode ocorrer por traumas na região da coluna. 

Além do trauma, o achatamento de vértebra pode ser resultado da osteoporose, que acaba afetando a condição óssea do indivíduo. De fato, as fraturas por compressão vertebral necessitam de diagnóstico correto e tratamento adequado. 

Causas de Achatamento De Vértebra

pessoa tratando achatamento de vertebra

Traumas na região são os principais causadores de achatamento de vertebra tratamento

Conforme já dito, o trauma na região da coluna é a principal razão para o achatamento de vértebra. Esse trauma é geralmente em decorrência de diversos fatores, sendo o mais comum o trauma automobilístico. 

De fato, motociclistas são o grupo que mais sofrem esse tipo de lesão em acidentes. 

Outro fator é a osteoporose, sobretudo com a idade. A osteoporose é uma condição clínica na qual há perda óssea, em virtude do aumento da atividade de osteoclastos, que são as células ósseas responsáveis pela remoção óssea. 

Embora a atividade dos osteoclastos ocorra em indivíduos saudáveis, ela se encontra aumentada em indivíduos com osteoporose. E os osteoblastos, que são as células de produção de matriz óssea, não estão tão ativas e não conseguem repor a estrutura óssea perdida. 

Assim, a estrutura óssea se torna mais fragilizada, podendo levar à fratura por compressão. 

A osteoporose está bastante associada ao gênero feminino e mulheres de pele mais clara, com pouca atividade física regular. Porém, pessoas saudáveis podem sofrer fraturas nas vértebras dependendo do impacto na região que sofrem. 

Já pessoas com osteoporose podem sofrer achatamento das vértebras fazendo atividades comuns no dia a dia, como levantar objetos mais pesados. 

Finalmente, as fraturas vertebrais por compressão podem ocorrer em qualquer região da coluna, mas são mais comuns nas vértebras inferiores da parte superior das costas. 

Outro fator que pode estar relacionado ao achatamento vertebral é a presença de tumores na região. Dentre os tipos de tumores mais comuns associados ao achatamento vertebral estão o mieloma múltiplo, linfoma e câncer de mama e pulmão. 

No caso, esses tumores acabam se expandindo, invadindo a região da coluna ou pressionando as vértebras, que acabam se achatando. 

Sintomas

achatamento de veertebra tratamento nao cirúrgico

O principal sintoma para achatamento de vertebra é a dor na região.

Os sintomas físicos do achatamento das vértebras podem ser variados, mas o primeiro e mais marcante é a dor na região. Essa dor pode inclusive aumentar, quando o indivíduo está fazendo alguma movimentação ou uma simples atividade de caminhar. 

Além disso, o paciente sofre dormência nos membros e limitação da mobilidade. Outro sintoma que pode estar frequente é a falta de ar. 

Se o achatamento de vértebras ocorre em diversas vértebras, então o alinhamento do paciente fica comprometido. De fato, a postura de “corcunda” acaba ficando frequente em pacientes com múltiplas vértebras afetadas. 

Diagnóstico

O diagnóstico de achatamento de vértebra, em casos de acidentes de veículos automotores, é imediato, em virtude, muitas vezes, da gravidade da situação. 

Porém, nos casos de fratura vertebral por compressão devido à osteoporose, o diagnóstico é realizado pelo médico ortopedista, por queixas do paciente. 

Em geral, o médico ortopedista iniciará com uma série de perguntas, denominada anamnese, para buscar mais informações sobre o estado do paciente. 

Perguntas a respeito da dor e suas características são frequentes. Por exemplo, como é a dor? Ela é aliviada de alguma forma ou em alguma posição? A dor aumenta ou diminui quando você caminha?

Você sente a dor irradiar para outras regiões do corpo? Sua movimentação está normal ou limitada? 

Após isso, o médico avaliará o paciente e solicitará alguns exames de imagem. Os exames de imagem são muito importantes, pois permitem avaliar o posicionamento das vértebras e dos discos intervertebrais. 

Dentre os exames de imagem mais solicitados, estão o raio-X, ressonância magnética e a cintilografia óssea, sobretudo em casos de suspeita de fraturas por osteoporose. 

Tratamento De Achatamento De Vértebra

Para achatamento de vertebra, tratamento pode variar.

Para achatamento de vertebra, tratamento pode variar.

Podemos dividir o tratamento de achatamento de vértebra em dois grandes grupos: tratamento não-cirúrgico e opções cirúrgicas. 

Tratamento não-cirúrgico 

O tratamento de achatamento de vértebra deve, a princípio, aliviar a condição de dor do paciente. Para isso, algumas medidas são tomadas, como a prescrição de medicamentos analgésicos, anti-inflamatórios e relaxantes musculares. 

Além disso, sessões de fisioterapia com a utilização de medidas analgésicas podem aliviar a dor que o paciente sente. 

Tratamento cirúrgico 

Com a evolução da medicina e do conhecimento sobre a anatomia e fisiologia, bem como a evolução das técnicas cirúrgicas, hoje as cirurgias na região da coluna vertebral tendem a ser minimamente invasivas sempre que possível. 

Desta forma, o impacto da cirurgia nos tecidos é bem menor e a recuperação do paciente, mais rápida. Mas a indicação cirúrgica não deve ser a primeira alternativa. É importante esgotar todas as possibilidades de tratamento conservador.

Conclusão

O achatamento de vértebra pode ser tratado de maneira conservadora ou de maneira cirúrgica, dependendo do caso. O especialista deverá avaliar todos os aspectos do caso clínico antes de indicar o melhor tratamento.

Todo o conteúdo deste website é produzido e de reponsabilidade da equipe que compõe o ITC Vertebral.