ITC Vertebral

Blog ITC

Hérnia de Disco: quem trata?

A hérnia de disco, quando sintomática, pode ser uma condição dolorosa e debilitante que ocorre quando o núcleo gelatinoso de um disco intervertebral se projeta através de sua camada externa, comprimindo nervos adjacentes e causando uma variedade de sintomas incapacitantes.

foto de hérnia de Disco quem trata

Entender como a hérnia de disco surge, suas causas, sintomas e, especialmente, quem trata essa condição é crucial para promover uma abordagem eficaz e abrangente para o seu manejo.

O que é Hérnia de disco?

A hérnia de disco, refere-se à protrusão do material do disco intervertebral além de sua posição normal, podendo pressionar as raízes nervosas adjacentes ou a medula espinhal.

Essa compressão pode levar à dor intensa, formigamento, fraqueza muscular e outros sintomas incapacitantes.

Como surge a Hérnia de disco?

foto de hérnia de Disco quem trata

A hérnia de disco, geralmente, surge devido ao desgaste natural dos discos intervertebrais ao longo do tempo.

À medida que envelhecemos, a água no interior desses discos diminui, tornando-os mais propensos a fissuras e rupturas.

Movimentos repetitivos ou traumas agudos também podem desempenhar um papel no desenvolvimento de uma hérnia de disco.

Principais Causas

Envelhecimento e degeneração dos discos.

Lesões traumáticas na coluna.

Levantamento inadequado de peso.

Sedentarismo.

Genética predisposta.

Fatores ocupacionais.

Quais são os sintomas da Hérnia de disco?

foto de hérnia de Disco quem trata

Dor nas Costas:

A hérnia de disco frequentemente se manifesta como dor nas costas, localizada na região afetada. A intensidade da dor pode variar de leve a intensa, sendo muitas vezes desencadeada por atividades específicas, como ficar em pé ou se inclinar.

Dor Irradiada para Membros:

Uma característica distintiva da hérnia de disco é a dor que irradia para os membros. Isso ocorre quando a protrusão do disco comprime as raízes nervosas, causando dor que se estende ao longo do caminho desses nervos. Por exemplo, uma hérnia na região lombar pode causar dor que se estende para as pernas, conhecida como ciática.

Formigamento ou Dormência:

A compressão das raízes nervosas também pode levar a sensações anormais, como formigamento ou dormência. Isso ocorre devido à interferência na transmissão normal dos sinais nervosos, afetando a sensibilidade nas áreas inervadas pelos nervos comprometidos.

Fraqueza Muscular:

A fraqueza muscular é um sintoma comum da hérnia de disco, resultante da pressão exercida sobre as raízes nervosas. Dependendo da localização da hérnia, diferentes grupos musculares podem ser afetados, levando a uma sensação de fraqueza e dificuldade no movimento.

Alterações nos Reflexos:

A compressão das raízes nervosas pode interferir nos reflexos normais do corpo. Os reflexos tendinosos profundos, como o reflexo patelar, podem ser diminuídos ou ausentes, indicando a possível presença de uma hérnia de disco.

Diminuição da Sensibilidade:

Além do formigamento e da dormência, a hérnia de disco pode levar à diminuição da sensibilidade na área afetada. Os pacientes podem relatar uma sensação de “adormecimento” ou dificuldade em perceber estímulos táteis na região comprometida.

Esses sintomas, muitas vezes inter-relacionados, podem variar em intensidade e duração, dependendo da gravidade da hérnia de disco e de fatores individuais.

A abordagem terapêutica, com ênfase na fisioterapia e em medidas conservadoras, visa não apenas aliviar a dor, mas também restaurar a função normal, promovendo a recuperação e melhorando a qualidade de vida do paciente.

Hernia de disco: quem trata?

foto de hérnia de Disco quem trata

O tratamento da hérnia de disco é multifacetado, envolvendo uma equipe interdisciplinar de profissionais de saúde.

Entre eles, destaca-se o papel crucial do fisioterapeuta, que utiliza recursos conservadores para aliviar a dor e melhorar a função física.

A abordagem fisioterapêutica inclui exercícios específicos, técnicas de mobilização, e estratégias de modificação do estilo de vida.

A Cirurgia não é a Primeira Opção

É importante destacar que a cirurgia não é a primeira opção no tratamento da hérnia de disco.

Em muitos casos, abordagens conservadoras, como fisioterapia, são eficazes para aliviar os sintomas e promover a recuperação.

A intervenção cirúrgica é considerada quando outras opções não proporcionam alívio adequado ou em casos de emergência.

Em resumo, compreender os aspectos fundamentais da hérnia de disco, desde sua origem até as opções de tratamento, é essencial para melhorar a qualidade de vida dos pacientes e promover uma abordagem holística na gestão dessa condição incapacitante.

Tratamento conservador do ITC Vertebral

Oferecemos um programa de fisioterapia completo para as mais diferentes patologias da coluna, como hérnia de disco, onde o objetivo é aliviar a dor, melhorar a mobilidade e restaurar o funcionamento normal das articulações para que você tenha mais qualidade de vida e não precise de cirurgia.

Os especialistas do ITC Vertebral utilizam abordagens que respeitam os sinais e sintomas do paciente para seguir com os critérios de tratamento mais adequados.

O tratamento pode envolver:

Osteopatia

Técnica de tratamento fisioterapêutico que se baseia no diagnóstico diferencial e tem como ênfase principal a integridade estrutural e funcional do corpo.

dr examinando

Fisioterapia manual

O objetivo das técnicas manuais é devolver a funcionalidade e a biomecânica das estruturas sem causar danos ao paciente, restaurando o movimento máximo e indolor do sistema musculoesquelético no equilíbrio postural.

estilo de vida mais saudável

McKenzie

Técnica que encontra a preferência de movimento do paciente.

Ela analisa o quadro e ajuda a reconhecer os exercícios específicos que mais ajudam no alívio das dores.

Isso acontece com a participação ativa do paciente, que aprende comportamentos para o dia a dia.

consultório para avaliar pacientes com dor nas costas

Mesa de Tração

Quando indicada, possibilita uma descompressão com cargas controladas.

rio de janeiro médico

Mesa de Flexo-Descompressão

Possibilita que o fisioterapeuta tenha total controle sobre a mobilidade da coluna vertebral do paciente, permitindo os movimentos de flexão, extensão, lateralização e rotação.

orientação médica

Técnicas de fortalecimento muscular

Elaboramos um programa de fortalecimento muscular específico para cada tipo de sintoma e diagnóstico.

exercícios físicos

Gostou da leitura?

Compartilhe esse conteúdo com seus amigos!