Tratamento De Hérnia De Disco Sem Cirurgia

28/set Por Helder Montenegro Revisão 20/out - 2020

A hérnia de disco é uma patologia que afeta um grande número de brasileiros, podendo gerar dor na coluna. De fato, mais de 50% da população já teve ou terá dores de coluna. Mas o tratamento de hérnia de disco sem cirurgia é possível, ou seja, de maneira conservadora, trazendo ótimos resultados. 

Agendar sua Avaliação

Porém, como é esse tratamento de hérnia de disco sem cirurgia? Antes de falarmos sobre esse assunto, vamos explicar o que é hérnia de disco e suas principais características. 

O Que É Hérnia De Disco?

A hérnia de disco é o rompimento do anel vetebral.

A hérnia de disco é o rompimento do anel vetebral.

A coluna vertebral é formada por vértebras empilhadas. Entre essas vértebras, há um disco intervertebral, que serve para absorver os impactos recebidos pela coluna vertebral. 

Esse disco é composto por um núcleo pulposo e um anel fibroso externo. O disco intervertebral possui uma localização ideal, porém, com o envelhecimento ou mediante a manutenção de posturas erradas durante a vida, o disco pode sofrer um abaulamento (protrusão discal) ou ter o anel rompido. 

No caso de ter o anel externo rompido, temos o quadro denominado hérnia de disco, que pode gerar dores na região da coluna, uma vez que com o deslocamento do disco há pressionamento de nervos, além de tensionamento muscular, o que resulta em dores. 

Agendar sua Avaliação

Os dois locais mais comuns para o aparecimento de hérnias de disco são as regiões da coluna vertebral mais submetidas à movimentação e impacto, que são a região lombar e a região cervical. 

Sintomas

O principal sintoma da hérnia de disco são as dores na região.

O principal sintoma da hérnia de disco são as dores na região.

Os principais sintomas associados à hérnia de disco são: 

  • Dor nas costas; 
  • Fraqueza muscular nos membros superiores ou inferiores; 
  • Formigamento nos membros; 
  • Dor na região do nervo ciático (glúteos e posterior de coxa); 
  • Redução da mobilidade.

Causas da Hérnia de Disco

A hérnia de disco pode ter diversas causas.

A hérnia de disco pode ter diversas causas.

Entre as principais causas da hérnia de disco, podemos citar: 

  • Envelhecimento; 
  • Causas genéticas; 
  • Obesidade; 
  • Sedentarismo; 
  • Tabagismo; 
  • Trabalhos que resultam em grandes impactos na coluna vertebral, ou movimentação frequente intermitente em posturas mais estáticas (motoristas, por exemplo); 
  • Falta de fortalecimento muscular adequado. 

De maneira geral, a hérnia de disco pode surgir com o tempo, em virtude do envelhecimento e desgastes das vértebras, bem como do próprio disco, que pode perder a elasticidade em função do tempo. 

A obesidade, sedentarismo e falta de fortalecimento e condicionamento muscular adequado contribuem para dores em regiões da coluna associadas à hérnia de disco, uma vez que a coluna vertebral é sustentada por toda musculatura da região do quadril, posterior e do abdômen. 

Diagnóstico

Quando o paciente apresenta dores na região da coluna, deve buscar o diagnóstico adequado com um especialista. 

O profissional examinará fisicamente o paciente, bem como solicitará alguns exames de imagem, como exames de raios-X ou ressonância nuclear magnética. 

Com o diagnóstico de hérnia de disco em mãos, o especialista encaminhará o paciente para o tratamento de hérnia de disco que é, a princípio e principalmente, conservador.

Como é o tratamento de hérnia de disco sem cirurgia?

É possível o tratamento da hernia de disco sem cirurgia.

É possível o tratamento da hernia de disco sem cirurgia.

O tratamento de hérnia de disco deve ser, a princípio, conservador. Isso porque o tratamento da hérnia de disco sem cirurgia apresenta bons resultados, mas é importante frisar que esse tratamento necessita da aderência do paciente. 

Inicialmente e dependendo do caso, o especialista prescreverá analgésicos, anti-inflamatórios e relaxantes musculares. Vale lembrar que somente o profissional sabe qual é o remédio ideal e sua quantidade para cada caso. 

Não se automedique, uma vez que alguns medicamentos não são indicados e podem até piorar o quadro. 

O paciente é, então, encaminhado para a fisioterapia, que é a grande aliada no tratamento do paciente. 

Fisioterapia

A fisioterapia oferece, inicialmente, medidas analgésicas, que conseguem reduzir bastante a dor sentida pelo paciente. Dentre essas medidas analgésicas, podemos citar TENS, liberação miofascial e massagens, bem como a utilização do calor. 

O calor é um grande aliado no tratamento da hérnia de disco sem cirurgia, pois possibilita que haja alívio da dor. 

Além disso, há outros equipamentos, como ultrassom e laser, que podem ser utilizados para redução da inflamação local, o que também ajuda na reparação. 

No caso, o laser de baixa potência é bastante indicado, pois ajuda a reduzir a pressão no interior da estrutura discal, bem como eleva a temperatura localmente, o que ajuda a diminuir a dor. 

Outro equipamento importante é o ultrassom, que também permite calor local, mediante a geração de uma onda. Isso faz com que haja redução no processo inflamatório local, resultando em diminuição da dor e melhora do quadro. 

Além das técnicas descritas, há também exercícios de fortalecimento e alongamento muscular, para aliviar a tensão muscular e prevenir novas crises. Esses exercícios são supervisionados pelo fisioterapeuta. 

É importante que o paciente siga cuidadosamente o programa de exercícios passado pelo fisioterapeuta, inclusive com alguns exercícios a serem realizados em sua residência. 

Com o passar do tempo, o tratamento de hérnia de disco sem cirurgia evoluirá para somente fortalecimento muscular e não mais medidas analgésicas, uma vez que a inflamação já terá sido bastante reduzida. 

De fato, o fortalecimento adequado, com um programa de exercícios supervisionado por um fisioterapeuta é essencial para prevenir novas crises de dores. 

Osteopatia

Outra possibilidade dentro do tratamento de hérnia de disco sem cirurgia é a osteopatia, realizada por um fisioterapeuta osteopata, cujo objetivo é posicionar e alinhar adequadamente a coluna vertebral. 

A osteopatia é uma área que vem ganhando mais espaço no país, porém é importante sempre buscar um profissional qualificado e que o tratamento osteopático faça parte do tratamento de hérnia de disco, recomendado pelo médico ortopedista. 

É importante afirmar que a hérnia de disco pode ser tratada de maneira conservadora, sem cirurgia, para que não evolua e para que não haja novos episódios de dor. 

Existem algumas situações em que a cirurgia de hérnia de disco poderá ser indicada, de maneira minimamente invasiva. Porém, esses correspondem a uma pequena porcentagem de casos. 

Em sua grande maioria, os casos de hérnia de disco podem ser tratados de maneira conservadora. 

Como Prevenir Hérnia De Disco?

Se você está preocupado em prevenir a hérnia de disco, ou se já tem o diagnóstico e não quer ter episódios recorrentes de dor, algumas recomendações são importantes: 

  • Mantenha-se dentro do peso; 
  • Tenha uma vida ativa, praticando atividades físicas de maneira regular; 
  • Cuide da sua postura, não permanecendo na mesma postura por tempo prolongado; 
  • Caso já tenha o diagnóstico, faça sempre parte de um programa adequado de exercícios de fortalecimento, supervisionado por um profissional fisioterapeuta. Pilates pode ser uma boa opção; 
  • Se apresentar dor na coluna que não desaparece em alguns dias com repouso, procure um especialista para o diagnóstico adequado. 

É possível conviver com a hérnia de disco, não tendo episódios de dores e com o tratamento sem cirurgia resultando em excelentes resultados. Busque profissionais capacitados e seja aderente ao tratamento proposto. Você só tem a ganhar!

Agendar sua Avaliação

Por Helder Montenegro Revisão 20/out - 2020
Todo o conteúdo deste website é produzido e de reponsabilidade da equipe que compõe o ITC Vertebral.
Iniciar Conversa!
👋 Olá, como podemos lhe ajudar?
Olá! 👋 Como podemos lhe ajudar?